8.1.11

Assassinaram o Carlos Castro!

O jornalista português Carlos Castro, de 65 anos, foi sexta-feira encontrado morto no quarto do hotel Intercontinental, em Times Square.
 Carlos Castro tinha graves lesões na cabeça e foi castrado.
Dizem que foi por ciúmes... livra que raio de ciúmes esses!

8 comentários:

Fashionista disse...

Que horror! Coitado..

Marcia P. disse...

Jú,
Isto não é ciúme, é selvageria.
Nada justifica este horror!

. Sofia disse...

Credo! Estas coisas são macabras. :/

Ju disse...

Nunca gostei do CC vivo, não vou gostar dele morto.
Mas que é macabro e de uma frieza enorme assassinar alguém desta forma isso é...
O que levou aquele rapaz de 20 anos a fazer aquilo?
Porque andava o CC com um miúdo 45 anos mais jovem que ele?
O mundo está de pernas para o ar...

ROSINHA disse...

Um crime macabro...

Verdinha disse...

Mas porque é que a questão da diferença de idades tem de vir à baila? Não entendo, o rapazinho com certeza que não estava lá obrigado, se não gostava não ia, se não queria não ia. Só se vende quem quer ou é preferivel venderem-se a lavar escadas? eu cá prefiro lavar escadas.

Não importa a idade do assassino porque o acto monstruoso não foi cometido devido a isso, se tinha ciumes vinha-se embora ou agr vamos todos matar pk temos ciumes?

Ju disse...

verdinha, a questão da idade é um pequeno aparte no meio deste horror.
Estive a ver as fotos do miúdo no facebook dele, e... porra! Como pode aquele sorriso, aquele olhar meigo, aquele jovem aparentemente normal, ter cometido um crime.
Isto baralha-me imenso, sou mãe de 3 filhos, tento entender e não consigo.
Para o CC era mais um miúdo entre tantos que ele aliciava, uns caíam pela sede de fama e luxo e outros nunca caíram, conheço alguns e mete-me uma grande confusão.
Perdeu-se uma vida, a orientação sexual nada tem a ver com isto, uma pessoa morreu e outra vai ficar "sem vida" aos 20 anos.
E tudo isto porquê?

Verdinha disse...

Esse porquê é algo que talvez nunca venhamos a descobrir, e pelas circunstâncias de tudo também não me parece que o rapaz possa ser inocente (coisa que confesso até gostaria que fosse). Acho que nada justifica um facto desse, acho que as pessoas antes de cometerem um acto transloucado destes deviam pensar em si próprias, já nem digo na vitima, nos pais, nos amigos, mas em si, fazer isto é destruir a vida completamente. O que me faz confusão aqui é a mutilação, faz parecer tudo mt frio, mt controlado. E pela descrição da amiga do CC o rapaz saiu de lá normalmente, calmérrimo...

E NY não é Portugal, a pena lá não é p brincadeiras.